Querosene Filmes

A Querosene Filmes nasceu da união das experiências complementares de João Queiroz e Justine Otondo que combinam a capacidade de captação de recursos e gestão financeira com a habilidade em produção executiva de projetos nacionais e internacionais. Por se tratar de uma produtora de produtores, ambos participam ativamente de todos os processos que envolvem a realização de um produto audiovisual, da ideia original até o filme acabado, sempre em estreita parceria com os diretores contratados e produtores associados. Nosso objetivo é criar, desenvolver e produzir projetos originais e comercialmente competitivos. Com cinco filmes já lançados, outro em fase de finalização e lançamento e mais 5 projetos em andamento, a Querosene pretende se posicionar no mercado como uma produtora atenta não só a qualidade artística como também ao resultado comercial alcançado por suas produções.

Justine Otondo

Começou sua carreira de produtora em Nova Iorque, onde morou por 3 anos. Desde então, assinou a coordenação e direção de produção de uma série de documentários e longas de ficção como: “13 Minutos”; “Agosto Negro Hip Hop Salva” – ambos realizados pela produtora bigBonsai da qual foi sócia entre 2002 e 2007; “Pixote In Memoriam” e “O Passado”, ambos com Hector Babenco; "Linha de Passe", de Walter Salles e Daniela Thomas; “Augustas” de Francisco César Filho; "Jean Charles" de Henrique Goldman; “Luz Nas Trevas” de Helena Ignez e Ícaro Martins e "Bruna Surfistinha" de Marcus Vinícius Baldini.

João Queiroz

Com mais de 15 anos de experiência na indústria de entretenimento, foi diretor de marketing da Universal Pictures Brasil durante 3 anos, antes de ser promovido a direção de marketing internacional, em Londres. Antes de deixar a empresa para abrir sua produtora, ocupava o cargo de Vice-Presidente de Marketing e Estratégia. Desde 2010 é sócio da Querosene Filmes e é responsável pela seleção e financiamento dos projetos a serem produzidos pela empresa.